Rural Wedding, Alentejo, Portugal

Naquele dia.

Eles escolheram casar naquele dia. O dia que ninguém esquece. O dia mais quente, o dia em que choveu e trovejou. O dia mais triste. O dia mais feliz (para eles). O dia em que o fogo decidiu tomar posse do dia. E da noite. Um dia de contrastes, de acasos, de coincidências. E a Sara, que escolheu dizer o "sim" no preciso momento em que os 47ºC de sol tórrido se transformava em chuva lancinante. E depois correram, e depois dançaram, e depois descalços continuaram a festa. E mais a luz, que não funcionou. As nuvens e os pratos que voaram. As cores, e as flores, a música, e o amor enquanto eles dançavam. 

E depois? 

Photographers: André Henriques, Cláudia Silva                                                                                    Dress: Joana Montez                                                                                                                                Flowers: Green Pic´k